PANTANAL NOTÍCIAS MS

NOTÍCIAS DE CAMPO GRANDE E MATO GROSSO DO SUL

Notícias

Saúde alerta para a possibilidade de aumento de casos de SRAG em Campo Grande – CGNotícias – hojems.com.br



Campo grande é uma das 11 capitais do país com probabilidade de aumento de casos da SRAG (síndrome respiratória aguda grave), a longo prazo, segundo boletim infogripe da Fiocruz. Os principais vírus são influenza A (H1N1 e H3N2) e vírus sincicial respiratório (VSR).
A superintende de vigilância em saúde do município, Veruska Lahdo, explica que as unidades de saúde seguem fazendo as coletas e monitorando os números na Capital. “A gente monitora 24 horas por dia os números se estão crescendo os casos, ou não e alertando a população”, pontua.
Conforme dados da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), de janeiro até agora, 162 pessoas morreram vítimas de SRAG em Campo Grande, 154 eram adultos, e 8 crianças. Já foram notificados quase 2 mil casos (1.968).
SRAG
Uma SRAG pode começar com sintomas gripais (Tosse, coriza, dor de garganta, dor de cabeça e febre) e evoluir para algo mais grave como dificuldade e desconforto para respirar (falta de ar), dor persistente no peito, saturação de oxigênio abaixo de 95% (quantidade de oxigênio que circula no sangue) e coloração azulada nos lábios ou no rosto.
VSR
O vírus sincicial respiratório causa principalmente bronquiolite nos bebês e crianças pequenas. A bronquiolite é uma infecção dos pequenos canais respiratórios dos pulmões e o vírus também pode causar pneumonia.
Uma das principais orientações dos médicos é que as mães evitem expor os recém-nascidos pelo menos até os seis meses de idade, quando o sistema imunológico fica mais resistente às doenças virais.
Não há vacina para prevenir o VSR, mas medidas de higiene são fundamentais como lavar as mãos frequentemente e ainda evitar o contato com pessoas doentes.
Apesar de ser mais frequente entre as crianças, o VSR também afeta pacientes de todas as faixas etárias, principalmente idosos e imunossuprimidos.
Vacinação
Para proteger contra outros vírus, influenza A (subtipos H1N1 e H3N2) e influenza B (victória) todas as unidades de saúde de Campo Grande estão vacinando. A vacina está liberada para todos os públicos acima dos seis meses de idade. Confira os endereços e horários no link: https://www.campogrande.ms.gov.br/sesau/unidades-de-saude-cg/