PANTANAL NOTÍCIAS MS

NOTÍCIAS DE CAMPO GRANDE E MATO GROSSO DO SUL

Sem categoria

IPM-JP é destaque nacional em três categorias por boas práticas em gestão previdenciária

O Instituto de Previdência do Município de João Pessoa (IPM-JP) recebeu três prêmios durante o 57º Congresso Nacional da Associação Brasileira de Instituições de Previdência Estaduais e Municipais (Abipem), realizado em Belém (PA), nos últimos dias 26, 27 e 28 de junho. O trabalho do IPM-JP foi reconhecido nacionalmente nas categorias ‘Governança Previdenciária’ (2º lugar), ‘Responsabilidade Previdenciária’ (7º lugar) e ‘Investimentos’ (12º lugar).

Para a superintendente do IPM, Caroline Ferreira Agra, os prêmios demonstram o empenho da atual gestão e dos servidores municipais em desenvolverem um trabalho com comprometimento e excelência.

“Essas conquistas refletem nosso compromisso com a excelência na gestão pública e a sustentabilidade previdenciária. Nosso objetivo é sempre garantir o equilíbrio financeiro e atuarial do nosso regime de previdência, e essas distinções mostram que estamos no caminho certo”, comenta Caroline Agra.

Os prêmios da Abipem levam em consideração Certificação Prévia no Pró-Gestão Regime Próprio de Previdência Social (RPPS), Classificação no Índice de Situação Previdenciária (ISP) e Adesão à Reforma da Previdência (EC 103/19). As servidoras Suzana Sitonio, diretora de Administração e Finanças, e Joseane de Souza, chefe do Setor de Arquivo, foram as representantes do IPMJP no 57º Congresso Nacional da Abipem.

A superintendente do IPM-JP, Caroline Agra, destaca que esse reconhecimento também significa uma previdência mais segura, eficiente e confiável para os segurados.

“Estar entre as melhores gestões previdenciárias do Brasil significa que nosso Município atende a diversos critérios de excelência na administração de benefícios previdenciários, dentre eles, sustentabilidade financeira, transparência na gestão, cumprimento das legislações, qualidade no atendimento, inovações e tecnologia, além da capacitação de nossos profissionais”, ressalta.